ERRC RECEBEU PRÉMIO DO CONSELHO DA EUROPA

ERRC RECEBEU PRÉMIO DO CONSELHO DA EUROPA

O European Roma Rights Centre (Centro Europeu  para os Direitos dos Ciganos - ERRC) com sede em Budapeste, Hungria, recebeu em 17 de janeiro o prémio Raoul Wallenberg para 2018, tendo a cerimónia ocorrido em Estrasburgo. Este prémio bienal é atribuído pelo Conselho da Europa (CE) a realizações extraordinárias no campo dos direitos humanos. 17 de janeiro foi a data em que Raoul Wallenberg foi preso pelas forças soviéticas em Budapeste em 1945. O Secretário Geral do CE louvou o ERRC por ser "incansável" nos esforços pela luta pelos direitos dos Ciganos em toda a Europa num tempo de crescente anticiganismo. O ERRC desenvolveu diversas ações contra situações de discriminação e exclusão dos ciganos em Portugal, sobretudo no caso de desalojamentos.

 

O presidente do ERRC Dorde Jovanovic agradecendo o prémio afirmou que "enquanto se mantiver um fosso entre julgamentos e justiça para Ciganos e enquanto a justiça for negada, o nosso trabalho continuará". Em 1945 Raoul Wallenberg iludiu os planos que os nazis tinham de massacrar 70.000 Judeus no quarteirão Judaico de Budapeste, onde atualmente se situa a sede do ERRC.