Povo Cigano lembrado em Fátima

Ecclesia (25 Jun) (internet)
Povo Cigano lembrado em Fátima
D. Serafim Ferreira e Silva, Bispo Emérito de Leira-Fátima, recordou o povo cigano, na Eucaristia que presidiu no dia 24 de Junho, Domingo, no Santuário de Fátima, dizendo: “Vive-se o Dia do Povo Cigano, que veio para o Ocidente em especial para Portugal há 500 anos. Fazemos votos e faremos algum esforço para que este povo seja mais integrado e menos excluído.”
O Dia Nacional do Povo Cigano que se celebrou este ano pela primeira vez em Portugal, foi uma iniciativa da Obra Nacional da Pastoral dos Ciganos e tem o lema “Conhecer para Interagir”. Por deliberação da Conferência Episcopal Portuguesa, o Dia Nacional do Cigano que se celebrava no 1º Domingo de Junho passa a celebrar-se a 24 de Junho, Festa de S. João Baptista, dia tradicionalmente festejado pelos ciganos em Portugal.
O Dia Internacional do Cigano teve início em 1990, na Polónia, durante o 4º Congresso Mundial Romani. O ERRC (European Roma Rights Centre) considera preocupante o pouco progresso realizado, desde 1990, na melhoria das condições de vida dos ciganos.